Perdido | "Moro está em estado confusional", dizem editores do The Intercept Brasil! Veja...

Mensagens complicaram a vida de Sérgio Moro.
Mensagens complicaram a vida de Sérgio Moro.

As grosseiras contradições do ex-juiz

Categoria: Política | Em artigo no The Intercept Brasil, (17), Glenn Greenwald Leandro Demori — editores do site — descrevem o profundo estado de confusão mental em que se encontra o ex-juiz Sérgio Moro após virem à tona mensagens que o desmoralizam, junto com a Lava Jato. "Moro está em estado confusional", diz a dupla de jornalistas. Após o anúncio, ver melhores trechos do artigo.

Leia:

"Sergio Moro disse que não viu nada de mais, ou seja: não negou a autenticidade das mensagens.

Moro, na verdade, se emparedou: em entrevista ao Estadão, ele inicialmente não reconhece como autêntica uma frase que ele mesmo disse. Mas depois diz que pode ter dito. E depois ainda diz que não lembra se disse. Moro está em estado confusional.

Horas depois, à Folha, Moro confirmou um dos chats que publicamos: em uma coletiva, ele chamou de "descuido" o episódio no qual, em 7 de dezembro de 2015, passa uma pista sobre o caso de Lula para que a equipe do MP investigue. Confessou que ajudou a acusação informalmente, o que é contra a lei. Como dizem as piores línguas: tirem suas próprias conclusões. Continua, após o anúncio.

Deltan Dallagnol não negou tampouco. Ele está bastante preocupado com o que diz ser um "hacker", mas sequer entregou seu celular para a perícia.

É evidente que nem Moro, nem Deltan e nem ninguém podem negar o que disseram e fizeram. O Graciliano Rocha, do BuzzFeed news, mostrou que atos da Lava Jato coincidiram com orientações de Moro a Deltan no Telegram. Moro mandou, o MPF obedeceu. Isso não é Justiça, é parceria."

Mais recentes: