Dossiê / General deixa o governo, após receber pressão de PM amigo de Bolsonaro!

Foto: You Tube
Foto: You Tube

Política / "Outros quatros assessores da SAE, entre os quais dois generais, um coronel e um ex-diretor da Agência Brasileira de Inteligência ( ABIN ) também ameaçam se demitir"

COMPARTILHE!

BlOG DO POVO / Após receber reclamações do ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência — policial militar da reserva do DF Jorge Oliveira — o general Maynard Marques de Santa Rosa deixou o governo Bolsonaro. Maynard ocupava a Secretaria Especial de Assuntos Estratégicos (SAE). Segundo matéria do Globo (4), demissão foi motivada por um dossiê feito por Oliveira que apresentava falhas do general à frente do posto que comandava. Continua, após o anúncio.

Amigo de longa data

Segundo outra matéria do Globo (15/09/2019), o PM da reserva e hoje ministro Jorge Oliveira é amigo de longa data do presidente Bolsonaro, tendo inclusive sido seu chefe de gabinete por vinte anos, além de ter ocupado também a chefia de gabinete do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP).

Mais pedidos de demissão

O Globo diz ainda que "outros quatros assessores da SAE, entre os quais dois generais, um coronel e um ex-diretor da Agência Brasileira de Inteligência ( ABIN ) também ameaçam se demitir" em solidariedade ao general humilhado pelo PM.

Bolsonaro parece que só gosta mesmo é de PM. Por falar nisso, cadê o Queiroz?

COMPARTILHE!

Acompanhe nossas redes sociais e receba atualizações sobre este e outros temas!

Mais recentes sobre Política:

Mais recentes do site: