Denúncias gravíssimas e provas cabais! Não tinha como Bolsonaro não saber dos fatos, diz analista!

COMPARTILHE!

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil.
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil.

Bozos / A família Bolsonaro não costuma ter segredos entre si.

BLOG DO POVO / Os escândalos que envolvem Flávio Bolsonaro atingem também em cheio o presidente do País. Analistas políticos de todas as matizes ideológicas são categóricos em afirmar que não tinha como seu Jair não saber dos fatos revelados pelo Ministério Público do Rio de Janeiro. Foram captadas inclusive mensagens de celular de ex-assessora do Zero Um que comprovam a corrupção com dinheiro público. "A família Bolsonaro não costuma guardar segredo entre si", diz um dos que analisam a embaraçosa situação protagonizada pelos que se elegeram chamando os outros de ladrão.

Principais denúncias contra  Flávio Bolsonaro

  • Nomeação de assessores orientados a devolver parte de seus salários para o grupo;
  •  Conluio com o ex-policial militar Fabrício Queiroz, responsável por  fazer toda a operação de recolhimento da remuneração dos funcionários;
  • Uso de uma loja de chocolates num shopping da Barra da Tijuca e de negócios imobiliários do senador  para lavar o dinheiro ilegalmente. 

Provas:

Promotores do MP identificaram 483 depósitos de pelo menos 13 ex-assessores na conta bancária de Queiroz, por transferência, cheque ou dinheiro em espécie, num total de R$ 2 milhões; outro grupo de ex-assessores que sacavam quase que integralmente o salário recebido; e conversas em aplicativos de mensagem obtidas no celular de uma ex-assessora, dentre outras.

Fonte: matérias do Globo

Ele sabia

Para analistas políticos, as denúncias acompanhadas de provas são gravíssimas e não tinha como o presidente Jair Bolsonaro não saber dos fatos. O cientista político carioca Carlos Paixão diz ao BLOG DO POVO que "a família Bolsonaro não costuma guardar segredo entre si", pois são muito unidos. 

Além disso, explica, o Fabrício Queiroz é amigo íntimo do presidente e de todo o clã do capitão há muitos anos. "Não faz sentido que uma transação ilegal que envolve milhões não tivesse sido percebida por Bolsonaro, um homem experiente e sempre atento aos casos de corrupção, inclusive para condenar, quando se tratava de adversários políticos. Como é que ele não sabia?", indaga o pesquisador.

COMPARTILHE!

Acompanhe nossas redes sociais e receba atualizações sobre este e outros temas!

Mais recentes sobre Política

Mais recentes do site: