Quase 50% das escolas públicas do Pais podem fechar as portas, alerta CNTE!

Foto: aplicativo Canva
Foto: aplicativo Canva

Educação | Grave problema pode ocorrer devido ao fim do Fundeb, previsto para 2020.

COMPARTILHE!

BlOG DO POVO / A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) faz em seu portal de notícias um importante alerta a todo o País. Entidade diz que quase a metade das escolas públicas brasileiras podem fechar as portas, caso o Fundeb — que encerra em 2020 — não seja renovado. 

Situação pode prejudicar milhões de alunos e também os profissionais do magistério. 60% dos recursos desse fundo são, por lei, destinados ao pagamento dos salários de professores e demais profissionais que atuam nessa área no âmbito da educação básica de estados, municípios e Distrito Federal. Continua, após o anúncio.

Leia também:

Diz a CNTE:

"Principal mecanismo de financiamento da Educação Básica, o Fundeb é atualmente responsável por 50% de tudo o que se investe por aluno a cada ano em pelo menos 4.810 municípios brasileiros (86% do total de 5.570 municípios). Se o Fundeb não for renovado, quase metade das escolas do país poderão fechar as portas, deixando alunos sem aulas."

Campanha

A entidade está emprenhada numa campanha nacional em defesa do Fundeb. Sobre isso, seus técnicos acompanham de perto a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 15/2015, que tramita no Congresso e pretende tornar esse fundo permanente e com mais recursos da União. Isto pode garantir "a imediata regulamentação do piso salarial profissional e de diretrizes nacionais para os planos de carreira da categoria [dos trabalhadores em Educação], direitos previstos no art. 206 V e VIII da Constituição Federal." 

A CNTE está também promovendo uma campanha midiática em torno da questão.

COMPARTILHE!

Acompanhe nossas redes sociais e receba atualizações sobre este e outros temas!

Mais recentes sobre Educação:

Mais recentes do site: