PEC / Redução salarial atinge milhões de servidores da União, estados e municípios!

Bolsonaro, Guedes e aliados após entrega no Congresso do pacote de maldades contra os serviços públicos do País. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil.
Bolsonaro, Guedes e aliados após entrega no Congresso do pacote de maldades contra os serviços públicos do País. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil.

Dinheiro / Medida causou indignação e faz parte do pacote econômico que visa desmontar o Estado brasileiro.

COMPARTILHE!

BlOG DO POVO / Dentre as medidas que Bolsonaro e sua equipe econômica encaminharam ontem ao Congresso, uma prevê redução salarial temporária de 25% para servidores. É a chamada PEC Emergencial. Se aprovada, atingirá funcionários da União, estados e municípios. Milhões em todo o País. Corte nos salários será acompanhado de redução proporcional da jornada de trabalho. Continua, após o anúncio.

Desculpa

"De acordo com o governo, a ideia do pacote é enxugar os gastos e aumentar as receitas, promovendo uma poupança de R$ 50 bilhões nos cofres públicos em uma década."

Atingidos

PEC Emergencial atinge milhões de servidores em todo o Brasil. Segundo o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), só no governo federal há 655 mil funcionários. O dado é de 2018. Por outro lado, em 2016 os estaduais somavam 3,7 milhões. A concentração maior, no entanto, está entre os municipais. O número também de 2016 aponta 6,5 milhões de servidores. Continua, após o anúncio. 

Reação

A notícia causou muita indignação entre os servidores e os sindicatos que os representam. Muitas manifestações e ações judiciais devem ocorrer para evitar que a medida seja aprovada e posta em prática.

COMPARTILHE!

Acompanhe nossas redes sociais e receba atualizações sobre este e outros temas!

Mais recentes sobre Dinheiro:

Mais recentes do site: