Bolsonaro corta mais de R$ 1,5 bi do Ministério da Educação! Veja...

Dia, 15, professores fazem Greve Geral no país

Categoria: Educação | O governo Bolsonaro cortou verbas de 11 ministérios. O mais prejudicado é o da Educação, quer perdeu R$ 1,59 bilhão. Foram também atingidos, dentre outros, os ministérios da Defesa (R$ 725 milhões); Agricultura (R$ 145,6 milhões; Relações Exteriores (R$ 117,4 milhões); Minas e Energia (R$ 86,6 milhões) e Meio Ambiente (R$ 56,6 milhões).

Mais cortes virão

Segundo matéria de hoje (3) de O Globo: "O governo está com restrições orçamentárias porque a arrecadação federal está abaixo do esperado. Uma nova avaliação das receitas e despesas será feita no fim deste mês."

Tudo leva a crer que mais cortes poderão vir, pois não há previsão de a arrecadação crescer dentro do esperado enquanto a economia continuar estagnada. Altos índices de desemprego e arrocho salarial inibem o consumo. E baixo consumo implica em menos dinheiro nos cofres da União, estados e municípios. 

Se os rumos da economia não forem mudados, Bolsonaro tende a passar todo o seu governo nas redes sociais pregando asneiras, e no Palácio do Planalto, cortando verbas do setor social. A coisa pode, portanto, piorar se o povo não reagir. Dia 15 de maio os professores dão o exemplo e anunciam Greve Geral em todo o país. É o caminho.

Curta nossa página e receba atualizações!

+ recentes sobre educação: