Medida de Bolsonaro que incentiva demissão de trabalhadores é aplaudida por sindicalistas!

Foto: Agência Brasil.
Foto: Agência Brasil.

Economia / Era só o que faltava! Esses líderes sindicais receberam alguma benesse do governo?

COMPARTILHE!

BlOG DO POVO / Era só o que faltava! A lei 13.932/2019 — criada por Bolsonaro para facilitar demissões laborais — está sendo aplaudida por grandes empresários e também por sindicalistas. Medida isenta a partir de 1º de janeiro de 2020 os patrões de pagar multa de 10% referente ao FGTS em caso de demissão sem justa causa. Um estímulo ao desemprego. 

Segundo a coluna Painel, da Folha de S.Paulo (14), medida foi recebida com euforia na Fiesp e também em duas centrais de trabalhadores, conforme se pode observar após o anúncio.

Leia também:

Alegria, alegria

Sobre a medida contra os trabalhadores, diz a coluna Painel, da Folha:

"Era um custo adicional para os empresários sem necessidade", diz Juruna, secretário-geral da Força [Sindical]. Para Ricardo Patah, da UGT, o recurso pode ser revertido em qualificação.

A notícia foi recebida com euforia na Fiesp. Após a publicação no Diário Oficial, Paulo Skaf mandou circular uma mensagem nos grupos de WhatsApp dos conselhos e departamentos da federação informando a mudança, um pleito antigo das entidades.

Os líderes sindicais de trabalhadores receberam alguma benesse do governo para apoiar tal medida?

COMPARTILHE!

Acompanhe nossas redes sociais e receba atualizações sobre este e outros temas!

Mais recentes sobre Economia:

Mais recentes do site: