STJ | Nesta terça, Temer só precisa de dois votos para sair da prisão! Veja...

Temer, ansioso pela liberdade. Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil.
Temer, ansioso pela liberdade. Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil.

Torcida "grande", pela liberdade do golpista

Categoria: Política | Preso desde a quinta-feira em São Paulo, o ex-presidente golpista Michel Temer pode ser posto hoje (14) em liberdade novamente.  Seu pedido de habeas corpus será julgado pela Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ). O relator é o ministro Antônio Saldanha, que atuará com outros três membros do STJ: Nefi Cordeiro (atual presidente), Laurita Vaz e Rogério Schietti.

Apenas dois votos

Matéria de hoje (14) de O Globo explica que, "na prática, Temer precisará de apenas dois votos favoráveis, e não mais três, para ser solto. No Direito Penal, existe uma regra chamada "in dubio pro reo", ou seja, na dúvida, o réu deve ser favorecido. Isso se aplica em caso de empate. Se fossem cinco ministros no julgamento, Temer precisaria do voto de três para ter maioria. Como serão apenas quatro, bastam dois votos para o empate." Continua, após o anúncio.

A expectativa é grande, por parte dos fãs do ex-presidente. Dona Marcela Temer e o Michelzinho não veem a hora do golpista voltar para casa.

Mais recentes: